jump to navigation

Pausa para o café… março 28, 2008

Posted by *Steph* in Sem Categoria.
trackback
Pessoas….

Nossa… quanto tempo faz que eu não escrevo nadica de nada a não ser um Feliz Páscoa bem xoxinho…. Me desculpem pelo relaxo! Desculpeeem…

Separei algumas coisinhas ao longo da semana pra postar aqui, mas não tive um pingo de inspiração e com tantos pequenos probleminhas pessoais Tico e Teco entraram em colapso e pediram pra sair… huahauhauha

Respirei fundo, parei pra pensar, conversei com Tico e Teco e me parece que se acostumaram com o fato de que os problemas estão aí e ou eles se adaptam ou estaremos todos encrencados, e muito!

Aproveitando o espaço pra fazer aquela sessão Desabafo, vou me aproveitar da condição de escritora e fazer dos seus olhos piniquinhos por um instante. E, prometo que posto coisas interessantes pra me redimir depois, ok?

Essas últimas semanas têm sido infernais. E não consegui pensar em muitas coisas boas, pra ser sincera. Me senti sozinha, sem amigos, sem família, sem ninguém. É… parece um melodrama mexicano, mas me senti assim mesmo. Foi uma seqüência de semanas com doenças, términos, brigas familiares, TPM… Nossa! Muita coisa pro Tico e Teco, sabe?

E, demorou um tempão pra eu perceber que eu estava enlouquecendo os coitadinhos. Muitas e muitas músicas depresivas depois, eles se rebelaram… Foi bom!

Percebi que posso sim mudar minha opinião quando eu quiser e erguer minha cabeça, orgulhosa por ter coragem de tomar certas atitudes, por seguir meus princípios e minhas convicções. Posso me orgulhar por admitir meus erros e aprender com eles sozinha. Posso me orgulhar por traçar meu caminho conforme o que aprendi e deixando espaço pro que ainda vou aprender.

Percebi que posso ser feliz só com as pequenas conquistas do dia a dia… E que não preciso de quase nada pra tal felicidade.

Percebi que, às vezes, é preciso sacrificar aquilo que amamos. Que dói, mas era preciso pra crescer e fortalecer. E que, não tem problema arriscar, é preciso muita coragem para isso. Pode não dar certo, porém como dizem por aí: melhor se arrepender do que fez do que se arrepender pelo que deixou de fazer. Então… não me arrependo de ter arriscado uma das coisas que eu mais aprecio e considero nessa vida. Nem me arrependo de ter perdido isso. Talvez sinta saudade do que perdi, mas foi o preço que paguei, certo? Fazer o que… um dia passa…

Enfim… 3 semaninhas se passaram, mas o proveito de toda essa reflexão foi o de uma vida toda.

E acabou a sessão Desabafo!

Obrigada a todos! E mais obrigada ainda ao TIGOS… que com sua azedisse peculiar e mal humor refinado me ajudaram e inspiraram muito pra voltar com a corda toda pro blog!

Ufffffffs! Me sinto bem melhor agora. E Tico e Teco agradecem!!!

Anúncios

Comentários»

No comments yet — be the first.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: