jump to navigation

Pequenas lembranças… dezembro 1, 2008

Posted by *Steph* in Bláblábá.
trackback

Eu costumava sentar todos os dias embaixo daquela amoreira… ahhh, mas que saudade daquele banco cinza gelado e compriiiido…

Costumava ficar horas e horas deitada alí, esperando o tempo passar. E nos dias de verão, as amoras ficavam pretinhas e doces como açúcar, era sempre uma guerra pelos melhores galhos;

Quantos segredos foram guardados por ela, quantas lágrimas, beijos, confissões e lástimas… Pequenos detalhes, pequenas recordações…

Ainda consigo me lembrar de quão agradável era passar as manhãs ali debaixo, abraçada àquele meu velho amigo e sonhando que aquele momento duraria pra sempre. Um abraço que eu nunca mais senti igual. E falávamos sobre o futuro sem saber exatamente como seria, tínhamos planos… milhares deles… os melhores.

Eu costumava acreditar que a gente ainda mudaria o mundo juntos só com o poder das nossas idéias grandiosas.

Eu costumava chorar muito, por tudo. E, sim… eu tenho saudades de poder chorar. De poder me mostrar fraca nos momentos ruins. Costumava ter a quem recorrer, com os olhos inchados e nariz vermelho. Ainda me lembro da cara de preocupação toda vez que ouvia dizer que eu estava chorando.

Eu costumava correr praqueles braços todo dia de manhã. Com toda minha ansiedade, cheia de esperanças, alegrias, desejos… que eu queria compartilhar apenas com aqueles braços.

Eu costumava ter aqueles olhos brilhantes…

Sim… eu costumava…

*****************************************************************************************************************

São minhas pequenas lembranças de coisas que realmente me importavam, coisas que me dão saudade ainda hoje. Pequenas lembranças que me fazem esquecer das coisas ruins que aconteceram e que, de certa forma, me confortam quando eu me sinto triste.

Acho que todo mundo tem seu potinho de boas lembranças, que quando as coisas estão difíceis a gente abre na esperança de que a dor desapareça.

Enfim… esse é meu potinho de lembranças…

Anúncios

Comentários»

1. Germano - dezembro 2, 2008

Belo texto Yumi.

Confesso que fiquei quase cinco minutos arrepiado após tê-lo lido.

Pretendo em breve fazer um blog e assim que ficar pronto passo por aqui para te deixar o link 😉

Abraço

2. Germano - dezembro 2, 2008

Me desculpe pelo comentário duplo, mas esse seu texto mexeu comigo de uma maneira que me senti forçado a fazer meu blog logo.

Se puder fazer uma visita serei muito grato
http://blogdogermanno.blogspot.com/

Obrigado desde já
Abraço

3. Steph Yumi - dezembro 2, 2008

Nossa! Obrigada Germano.

Você não sabe como eu fiquei feliz com seu comentário! São comentários assim que me fazem querer continuar escrevendo sempre.

Muito obrigada pelo carinho e entrarei sim no seu blog. Deixo um recado por lá.

Beijo


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: